Olhando por detrás dos atuais acontecimentos nacionais

Olhando por detrás dos atuais acontecimentos nacionais - VNacional - Olhando por detrás dos atuais acontecimentos nacionais

Olhando o noticiário diário podemos perceber a existência de um grande descontentamento e desapontamento do povo em relação as políticas nacionais cumulado com interesses difusos onde poucos se utilizam de técnicas de manobra social utilizando o povo como massa útil e quiçá inocente aos seus interesses, e então poderíamos nomear a presente crônica como o título de “Humanidades e desumanidades mercê interesses escusos e tergiversativos”, onde o cenário nacional é transformado em gigantesco teatro e marionetes onde se destacam as cordas que se movem ao sabor de interesses que não conhecemos (?), mas não conseguimos vislumbrar com clareza os donos das mãos que as movem.

Considero que a humanidade sempre pôde conferir, principalmente na sua história social, política e econômica, que os interesses maiores da sociedade sempre foram subvertidos, escravizados e subordinados aos interesses de pequenos grupos, porém o que nos parece ter ficado encoberto ou melhor fora da conscientização geral é que pouco importa qual o grupo esteja no poder, se de direita, de centro ou de esquerda, sempre haverá outros grupos que irão se utilizar das mesmas ferramentas e subterfúgios para tentar desestabilizar o “status quo” dominante e tentar assumir o poder naquela ou em futura gestão.

O curioso é que já nos acostumamos a ouvir a todo o momento, que “os culpados são os comunistas” e outros chavões os quais contém conceitos pré-concebidos, calcados em pré-conceitos e preconceitos, quando então cada cidadão desenvolve sua tese esclarecedora, ora tentando demonstrar que aqueles que tentam sublevar o poder são comunistas, ora são americanistas, ora socialistas, ora direitistas, e outros “istas”.

Observando os acontecimentos ao longo da linha de tempo histórica não vejo nos variados acontecimentos e agrupamentos sociais e políticos, motivações diferenciadas, mas apenas, concentrações de interesses difusos, sempre centrados em um mesmo mote, qual seja o de tentar subverter a situação e assumir o poder.
Penso que a “luta” atual já foi praticada por todos aqueles que no passado lutavam contra o “status quo dominante”, não ideados ou norteados por um “bem maior social”, mas sim, e tão somente, pela motivação particular de cada grupo, que à cada momento, objetivava a desestabilização ou tomada do poder.

Penso também que o interesse nunca esteve ligado ao social, mas sim ao político e ao econômico, não que não tenha havido ideais sociais, e isto seria obtusidade de pensamento, pois existiram em todos os tempos e penso que, por exemplo e sem a pretensão de esgotar o assunto, a “era Juscelino” e também a “era FHC” representam ter havido em nosso país um ideário purista, porém, em sua maioria, das “eras” e movimentos, sempre foram norteados pelo interesse econômico e político.

Autor: Walmir da Rocha Melges em 18 de junho de 2013

Copyright © 2017 Todos os direitos reservados para WRM Auditoria e Consultoria Ltda

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?